Portogallo - Speciale Erasmus

Ode al bacalhau

aprile 3, 2008


Un po’ per gioco, un po’ per sentirci più lisboeti, abbiamo deciso
di scegliere un nome nuovo da utilizzare in Portogallo. Il mio è
Maria Fonseca, il nome più portoghese che esiste. Per quanto
riguarda il cibo, invece, il più portoghese di tutti è il baccalà,
preparato – si narra – in 365 modi diversi. Quindi capirete la mia
somma gioia quando, venerdì scorso al Luanda, il dj ha lanciato
la canzone “Quero cheirar teu bacalhau” (tra l’altro si potrebbe
parlare anche di questa scelta, è un po’ come se al Seven tra
una canzone e l’altra il dj mettesse “Viva la pappa col pomodoro”).
Vi ripropongo qui per rendervi partecipi della mia portoghesità il
testo della canzone e la ricetta di baccalà che preferisco.

Quero cheirar teu bacalhau

Quero cheirar teu bacalhau, maria
Quero cheirar teu bacalhau,
Mariazinha deixa-me ir à cozinha
Deixa-me ir à cozinha
Pra cheirar teu bacalhau

Quero cheirar teu bacalhau, maria
Quero cheirar teu bacalhau,
Mariazinha deixa-me ir à cozinha
Deixa-me ir à cozinha
Pra cheirar teu bacalhau

Teu bacalhau é mesmo uma beleza
Es a portuguesa com teu prato especial
Se o cheiro é bom, mais gostoso é o cozido
É o prato preferido do povo de portugal

Refrao

Teu bacalhau, demolhadinho
Diz-mo se é da noruega ou aqui de portugal
Mariazinha deixa-mo cheirar
Que coisa tal gostosa
Nunca cheirei nada igual

Refrao – solo 4x

Quero cheirar teu bacalhau, maria
Quero cheirar teu bacalhau,
Mariazinha deixa-me ir à cozinha
Deixa-me ir à cozinha
Pra cheirar teu bacalhau

Quero cheirar teu bacalhau, maria
Quero cheirar teu bacalhau,
Mariazinha deixa-me ir à cozinha
Deixa-me ir à cozinha
Pra cheirar teu bacalhau

Teu bacalhau é mesmo uma beleza
Es a portuguesa com teu prato especial
Se o cheiro é bom, mais gostoso é o cozido
É o prato preferido do povo de portugal

Refrao

Teu bacalhau, demolhadinho
Diz-mo se é da noruega ou aqui de portugal
Mariazinha deixa-mo cheirar
Que coisa tal gostosa
Nunca cheirei nada igual

Ingredientes:
Para 4 pessoas

  • 400 g de bacalhau ;
  • 3 colheres de sopa de azeite ;
  • 500 g de batatas ;
  • 6 ovos ;
  • 3 cebolas ;
  • 1 dente de alho ;
  • salsa ;
  • sal ;
  • pimenta ;
  • óleo ;
  • azeitonas pretas

Confecção:

Demolha-se o bacalhau como habitualmente, retira-se-lhe a pele e as espinhas e desfia-se com as mãos.
Cortam-se as batatas em palha e as cebolas em rodelas finíssimas. Pica-se o alho.
Fritam-se as batatas em óleo bem quente só até alourarem ligeiramente. Escorrem-se sobre papel absorvente.
Entretanto, leva-se ao lume um tacho, de fundo espesso, com o azeite, a cebola e o alho e deixa-se refogar lentamente até cozer a cebola. Junta-se, nesta altura, o bacalhau desfiado e mexe-se com uma colher de madeira para que o bacalhau fique bem impregnado de gordura.
Juntam-se as batatas ao bacalhau e com o tacho sobre o lume deitam-se os ovos ligeiramente batidos e temperados com sal e pimenta.
Mexe-se com um garfo, e logo que os ovos estejam em creme, mas cozidos, retira-se imediatamente o tacho do lume e deita-se o bacalhau num prato ou travessa.
Polvilha-se com salsa picada e serve-se bem quente, acompanhado com azeitonas pretas.

You Might Also Like

3 Comments

  • Reply Anonymous aprile 3, 2008 at 10:43 pm

    Serena, seriamente, correda queste delizie letterar-culinarie di note di traduzione.
    Ti voglio beneeeeeeeeee!

    […]

    Però, ripensandoci, a che servono?
    Tanto me lo preparerete dal vivo tu e i tuoi coinquilini, no??

  • Reply Anonymous aprile 4, 2008 at 11:31 am

    é vero che le portoghesi hanno ujn seto di baccalà??
    secondo me si!
    Un bacio e a presto tessoro!
    LuCa

  • Reply Mercoledì aprile 4, 2008 at 12:19 pm

    Caro Luca, questo non te lo so dire, ma in compenso mi sono accorta che qui la donna baffuta va per la maggiore. In Portogallo la Veet non fa grandi affari…

  • Leave a Reply